domingo, 4 de junho de 2017

AGENDA CULTURAL: O Way dá opções do que fazer em Salvador durante o 1º fim de semana de junho



(AGENDAWAY.RD5.COM.BR) -  O WAY listou opções de lazer e cultura para o fim de semana, em Salvador. Tem música, teatro, exposições e outras programações diversas desta sexta-feira (2) até o domingo (4).

Para quem opta por visitar os museus é preciso ficar atento para a suspensão das atividades no Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA), na Avenida Contorno, em Salvador. Os espaços do museu estarão fechados neste fim de semana em decorrência da greve estadual de vigilantes.

MÚSICA


Luiz Caldas e Alceu Valença

Luiz Caldas e Alceu Valença se apresentam no mesmo palco, no Armazém Hall, em Villas do Atlântico, neste sábado (3). Cantores, compositores e instrumentistas, Luiz Caldas e Alceu Valença são autores de canções clássicas da música brasileira, muitas delas hits de mais de uma geração. A festa começa a partir das 21h. Os ingressos custam a partir de R$ 40 e são vendidos na bilheteria do local.

Jammil


O Parque da Cidade, no bairro do Itaigara, está completando um ano de reinaugurado e para comemorar, a banda Jammil sobe ao palco do anfiteatro do local para embalar o público ao som de canções como "Colorir Papel", "Celebrar" e "Minha Estrela". O show gratuito acontece no dia 4 de junho, a partir das 11h e também celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente.

Anarriê Alavontê

O grupo Alavontê sapresenta na Villa São José, bairro do Cabula, em Salvador, no sábado (3). Com um repertório criado exclusivamente para a festa temática, Ricardo Chaves, Manno Góes, Magary Lord, Jonga Cunha, Ramon Cruz e Adelmo Casé prometem não deixar ninguém parado. O evento começa às 21h, com ingressos a R$ 100. Vendas no local.

Batifun

A banda Batifun se apresenta na sexta-feira (2), no Santa Música Vilas, localizado na Rua Praia de Itamaracá, em Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador. O grupo de samba leva para o público o projeto "Batixote", uma mistura de forró com os clássicos do samba. O show começa às 21h.Os ingressos custam R$ 30 (feminino) e R$ 40 (masculino).

Sarajane

A cantora Sarajane apresenta no Teatro Rubi, no bairro do Campo Grande, em Salvador, a festa "Amor, Festa e Devoção". O evento faz parte do projeto "Bailões de São João", promovido pelo espaço. Considerada uma das precursoras da axé music, a cantora Sarajane Mendonça, agora também uma grande forrozeira, faz shows nos dias na sexta-feira (2) e sábado (3), sempre a partir das 20h30. No repertório, músicas de Acioly Neto, Nando Cordel , Luiz Gonzaga, entre outros. O ingresso custa R$ 80 e pode ser comprado na bilheteria do Teatro Rubi ou no site do Compre Ingressos.

CONFIRA AGENDA COMPLETA DE SHOWS DO WAY BAHIA

TEATRO


O Grande Sucesso

O ator da Globo Alexandre Nero se apresenta em Salvador com o espetáculo O ator da Globo Alexandre Nero se apresenta em Salvador com o espetáculo

O espetáculo protagonizado pelo ator Alexandre Nero será apresentado no Teatro Castro Alves (TCA), em Salvador, neste sábado (3) e domingo (4). No primeiro dia, a sessão ocorre às 21h. Já no segundo, às 19h. A peça conta a história de um grupo de artistas secundários que esperam na coxia sua vez de entrar em cena. Com trilha musical cantada e tocada ao vivo, o elenco discorre de maneira filosófica e cômica sobre sucesso e fracasso. Os ingressos para o espetáculo já estão à venda. Os valores são entre R$ 40 e R$ 120. Eles podem ser adquiridos na bilheteria do teatro e no site Ingresso Rápido.

A Besta

O espetáculo "A Besta" será apresentado entre os dias 25 de maio e 4 de junho, no Teatro Vila Velha, em Salvador. A montagem faz parte do projeto "K Cena" que promove o intercâmbio entre Brasil, Portugal e Cabo Verde. Os ingressos variam entre R$ 10 e R$ 30. De quinta a sábado, as apresentações serão às 20h. Já aos domingos, o público pode ver a montagem às 19h. A peça é resultado da residência artística de Graeme Pulleyn, diretor britânico radicado em Portugal, com integrantes da universidade LIVRE do teatro vila velha, programa de formação de atores do Vila. O objetivo é fortalecer o intercâmbio entre artistas que compartilham o português como idioma.

Double Mack

Érico Brás apresenta um espetáculo de humor, ao lado de Kenia Maria, onde não existe nenhum tipo de personagem específico, apenas um homem e uma mulher que apresentam situações do cotidiano de pessoas. O espetáculo ilustra a complexidade da sociedade desde a criação do mundo até os tempos atuais. Em cartaz neste sábado (3), às 21h, e no domingo (4), às 19h, no Teatro Jorge Amado. Os ingressos custsm R$ 76,00, vendidos no Compre Ingressos.

O Corrupto

O espetáculo "O Corrupto" é apresentado no Teatro Módulo, neste sábado (3) e no domingo (4), às 20h. Na peça, o ator Frank Menezes fala dos políticos e também da corrupção perpetrada por líderes espirituais de várias religiões, da corrupção nas instituições públicas e nas empresas privadas, nos meios de comunicação e das pequenas corrupções do dia-a-dia. Os ingressos custam R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia) e podem ser adquiridos no site Compre Ingressos.

O Segredo do Caso Secreto

O espetáculo da Cia BELUNA de Arte apresenta no Espaço Xisto Bahia, a peça "O Segredo do Caso Segreto. As sessões serão no sábado (3), às 20h, e domingo (4), às 20h, e posteriormente nos dias 10 e 11 de junho. A montagem traz a história de Jucilmara Alice, que junto ao amante, Arlindovaldo Antônio, trama a morte do marido, um Capitão da Polícia Militar da Bahia. No plano da dupla, o crime deve ser dentro de uma casa mal assombrada, onde habitam um fantasma e uma faxineira. O espetáculo também tem o intuito de satirizar a dramaturgia apresentada no rádio, TV e cinema, focando as diversas situações clichê usadas nos filmes, telenovelas, radionovelas, desenhos animados, seriados e minissérie. Os ingressos custam R$ 10, a inteira, e R$ 5, a meia e podem ser adquiridos no site Sympla.

A Bofetada

A Cia Baiana de Patifaria, apresenta o espetáculo "A Bofetada", no Teatro Eva Herz, localizado na Livraria Cultura do Salvador Shopping. Serão duas sessões no sábado (3), às 16h e 19h, e uma no domingo (4), às 18h. Os ingressos custam R$ 50, a inteira e R$ 25, a meia. As entradas estarão à venda na bilheteria do Teatro Eva Herz. Na comédia, o público se diverte com 11 personagens, como Fanta Maria, Pandora Luzia, Eleonora, Vânia e Dirce, que se revezam em três esquetes: "O Calcanhar de Aquiles" (de Mauro Rasi), "O Ponto e a Atriz" e "Fanta e Pandora" (ambos de Miguel Magno e Ricardo de Almeida).

INFANTIL


Bailinho

Em clima de São João, o shopping Center Lapa promove no domingo (4), a partir das 14h, um bailinho junino gratuito. A música vai ficar por conta do grupo Casinha de Brinquedo. Além de música, a criançada poderá se divertir com muitas brincadeiras, danças e prêmios. No domingo, todas as lojas do centro de compras vão abrir das 12h às 18h, já que nesse dia da semana o funcionamento dos estabelecimentos é opcional. Já a praça de alimentação e o cinema seguem abertos até às 20h. Para o benefício do estacionamento grátis, o consumidor deve apresentar uma nota fiscal de, no mínimo, R$ 10, de compras realizadas no domingo.

Toada Crianceira: cancioneiro brincante da infância

Um espetáculo musical interativo e lúdico para crianças e adultos, que rememora as brincadeiras cantadas da infância. Esse é o “Toada Crianceira: cancioneiro brincante da infância”, do grupo baiano Canastra Real – Contos em Cantos, que estreia neste mês a nova temporada em Salvador. As apresentações acontecem aos domingos, 4 e 11 de junho, sempre às 16h, no Espaço Cultural da Barroquinha. O ingresso custa R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) e podem ser adquiridos no local do evento. Adulto acompanhado por criança paga meia.

Mundo Giramundo

A exposição está em cartaz na Caixa Cultural de Salvador e aborda a trajetória do grupo de teatro de bonecos Giramundo. A mostra é voltada para o público adulto e infantil, com visitação gratuita. São exibidos os principais bonecos criados ao longo de quase cinco décadas, junto com materiais gráficos, a exemplo de desenhos técnicos que revelam o processo criativo e de construção desses personagens, além da exibição de cenas selecionadas dos principais espetáculos do grupo, de 1970 a 2014. A mostra fica em cartaz até o dia 2 de julho e pode ser visitada de terça a domingo, das 9h às 18h.

Os Três Porquinhos

A peça Os Três Porquinhos está em cartaz aos sábados, domingos e feriados, no Teatro Gil Santana, no bairro do Rio Vermelho, sempre às 15h. O espetáculo conta a história dos porquinhos Prático, Heitor e Cícero, que tentam escapar do Lobo Mau, que acabou de fugir de um zoológico. Os ingressos custam R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira).

Os Saltimbancos

O musical infantil conta a história de quatro animais que, cansados dos maus-tratos que recebiam dos seus patrões, resolvem fugir para a cidade grande e montar um grupo musical. Tal aventura é cantada e contada por um cachorro, uma gata, uma galinha e um jumento. A peça é um musical inspirado no conto Os Músicos de Bremen, dos irmãos Grimm, e a versão em português dos Saltimbancos traduzida pelo compositor Chico Buarque. Em cartaz neste sábado (3), às 11h e no domingo (4), às 16h, no Teatro Módulo. Os ingressos custam R$ 25 (meia) e R$ 50 (inteira) e podem ser adquiridos pelo site Compre Ingressos.

Circo de Só Ler

O espetáculo Circo de Só Ler terá apresentações no sábado (3) e no domingo (4), sempre às 16h, no Teatro Jorge Amado, no bairro da Pituba, em Salvador. O montagem leva ao público a história de um menino que vivia fora da escola, brincando livre e solto. A chegada do circo à sua cidade faz ele descobrir que por não saber ler, a vida dele não é totalmente livre. Assim, o menino ver a necessidade de dar asas à sua imaginação. A trupe do Circo, liderada pelo livro encantado, serão seus orientadores na viagem pelo mundo mágico da leitura. Os ingressos custam R$50 (inteira) e R$25 (meia entrada) e estão à venda na bilheteria do teatro. ​

Branca de Neve e Os Sete Anões

A peça Branca de Neve e Os Sete Anões está em cartaz aos sábados, domingos e feriados, no Teatro Gil Santana, no bairro do Rio Vermelho, sempre às 16h. A princesa Branca de Neve se vê perseguida por uma rainha malvada que quer ser a mulher mais bela de todo seu reino. Mas para isso, vai buscar acabar com Branca de Neve. Os ingressos custam R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira).

As Janelas de Peter Pan

O espetáculo As Janelas de Peter Pan está em cartaz aos sábados, domingos e feriados, no Teatro Gil Santana, no bairro do Rio Vermelho, sempre às 17h. A peça revive, de maneira bem-humorada, as aventuras de Peter Pan na Terra do Nunca, em meio a piratas, fada, crocodilo e crianças muito espertas. Os ingressos custam R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira).

Chapeuzinho Vermelho

A peça Chapeuzinho Vermelho está em cartaz aos sábados, domingos e feriados, no teatro Gil Santana, no bairro do Rio Vermelho, sempre às 18h. Chapeuzinho Vermelho recebe da mãe a missão de levar doces para sua avó que está doente. Não seguindo suas recomendações, acaba entrando na floresta, enganada pelo Lobo Mau disfarçado, e se vê metida em muitas confusões. Os ingressos custam R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira).

EXPOSIÇÕES


O Avesso da Pele

O Museu de Arte da Bahia (MAB) abriu exposição "O Avesso da Pele", dos artistas visuais José Henrique Barreto e Luiz Cláudio Campos. A mostra foi organizada ao redor de práticas experimentais que investigam as maneiras como sentimos e projetamos o nosso corpo. A exposição fica em cartaz no MAB até o dia 5 de junho, de terça a sexta das 13h às 19h e aos sábados, domingos e feriados das 14 às 18h. A entrada é gratuita.

Limites

Após 10 anos sem expor na capital baiana, o artista plástico Maazo Heck apresenta a mostra “Limites”, na Sala Contemporânea do Palacete das Artes. São cerca de 30 trabalhos, em dois conjuntos de pintura. As “Backsides”, da série “O Eterno Feminino”, em que o artista pinta em 16 telas, nádegas de mulheres, e “Inventário do Cotidiano”, com 15 pinturas na forma de políticos, com cenas sobre tudo que os cerca. A exposição fica em Salvador até o dia 18 de junho, de terça a sexta, das 13h às 19h e aos sábado, domingos e feriados, das 14h às 18h.

Formas e Sentimentos

Até o dia 4 de junho, o Palacete das Artes recebe a exposição da artista visual e restauradora Elisabeth Roters Coutinho. A mostra apresenta cerca de 40 esculturas em argila, explorando o tema “cabeças”. Conforme explica a curadora da exposição, Nanci Novais, a artista visual Elisabeth Coutinho encontrou na cerâmica o recurso mais eficiente para materializar suas obras/cabeças e aprofundar seus estudos de efeitos de volumes, sombras, brilhos, texturas, contrastes e expressões. A obra pode ser vista sexta, das 13h às 19h, e sábado e domingo, das 14h às 18h.

Coleção de Arte Africana

A exposição Coleção de Arte Africana pode ser visitada no museu Solar Ferrão, no Pelourinho, de terça a sexta, das 12h às 18h, e aos sábados, domingos e feriados, das 12h às 17h. A entrada é gratuita. Os visitantes podem conferir o trabalho do colecionador italiano Claudio Masella (Roma, 1935-2007), que reuniu por mais de 30 anos uma coleção de arte africana com mais de mil exemplares. Esses objetos ilustram a arte dos principais grupos étnicos do continente africano, compondo um panorama para entendimento da diversidade cultural e as suas influências na formação do Brasil.

Coleção de Instrumentos Musicais Tradicionais Emília Biancardi

A coleção de Instrumentos Musicais Tradicionais Emília Biancardi apresenta um acervo com mais de mil peças coletadas e recriadas nos cinco continentes, com destaque especial para os instrumentos indígenas brasileiros, além dos africanos e afro-brasileiros. A exposição permanente pode ser visitada no museu Solar Ferrão, no Pelourinho, de terça a sexta, das 12h às 18h, e aos sábados, domingos e feriados, das 12h às 17h. A entrada é gratuita.

Aprumo. Limites ampliados da imagem de um corpo

A exposição do artista visual baiano Uillian Novaes está em cartaz na Galeria Acbeu até o dia 3 de junho. Ela pode ser visitada na sexta-feira, das 14h às 20h, e no sábado, das 9h às 13h. Com curadoria do também artista Eriel Araújo, a exposição traz desenhos sobre tela em grandes dimensões, produzidos a partir de reflexões de Uillian Novaes sobre o corpo, suas potencialidades e capacidade de ocupar o espaço na busca por seu próprio equilíbrio. Além da mostra, Uillian Novaes também se prepara para realizar algumas atividades abertas ao público e gratuitas, para detalhar seu trabalho, as técnicas que utiliza e as situações que estimulam seu processo criativo.

O Bairro do Comércio

A exposição “O Bairro do Comércio” é apresentada no Museu Tempostal, no Pelourinho. A visitação acontece de terça a sexta, das 12h às 18h, e nos fins de semana e feriados, das 12h às 17h. A entrada é gratuita. A mostra é composta por postais e fotos que retratam a região do Comércio, no trecho da Preguiça até o antigo Mercado do Ouro, da primeira década do século XX até os anos 80.

Arte e Azulejaria

A mostra Arte e Azulejaria, que exibe fotografias de prédios revestidos com azulejos pela oficina de Udo Knoff, fruto de projetos de artistas baianos, é apresentada no Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica, no bairro do Pelourinho. No local, também é possível conferir um documentário sobre o colecionador e ceramista. A visitação acontece de terça à sexta, das 12h às 18h, e aos sábados, domingos e feriados, das 12h às 17h. A entrada é gratuita. Completam a exposição, objetos confeccionados nas oficinas desenvolvidas pelos museólogos da casa, que realizam atividades educacionais.

MAIS


Mostra de Cinema

A Sala Walter da Silveira, que fica na Biblioteca dos Barris, em Salvador, vai sediar a Mostra Sesc de Cinema entre os dias 2 e 4 de junho. Serão exibidos 20 filmes durante os três dias de evento. O público tem acesso gratuito à programação. O objetivo é promover a difusão da produção cinematográfica brasileira que não chega aos circuitos comerciais de exibição. A mostra contará com uma premiação. Além de um contrato de licenciamento para a exibição pública, a programação certificará os destaques de melhor roteiro, melhor filme, direção de fotografia, desenho de som, direção de arte, direção de elenco e montagem. Na primeira fase da mostra, entre janeiro e março, foram realizadas 32 inscrições em todo o estado da Bahia, sendo 16 oriundas de diversas cidades do interior. A maior parte das inscrições foi de filmes de curta-metragem, 28 ao todo, entre ficção e documentário. Ao final das sessões, haverá um bate-papo com realizadores dos filmes, que estarão disponíveis no café bar no espaço cultural. Confira a programação completa.

Lançamento de livro

O livro Yorubá- Vocabulário Temático do Candomblé, escrito Márcio de Jagun, advogado, professor, escritor, consultor do Programa de Estudos e Pesquisas das Religiões (PROEPER/UERJ) será lançado nesta sexta-feira (2), das 16h30 às 19h30. O evento acontece na Sala Caribé do Museu AfroBrasileiro-MAFRO, que fica na Escola de Medicina, Terreiro de Jesus, no Pelourinho. A publicação é a primeira obra que registra em portugês as expressões populares e do candomblé de origem iorubana.

Projeto Cordelizando

O projeto Cordelizando, que vai reunir autores da literatura de cordel, em Salvador, será realizado na sexta-feira (2) e no sábado (3), na Caixa Cultural, em Salvador. O evento é gratuito e vai contar, além da literatura de cordel, com declamações e recitais, bate-papos poéticos e músicas. A programação começa às 10h e vai até as 20h. Participam do projeto artistas como Maviael Melo, Antônio Barreto, Chico Pedrosa, Mariane Bigio, Sálua Chequer, Xangai e Lirinha. O cordelista Bráulio Bessa, que participaria de uma mesa no sábado, não poderá comparecer, por motivos pessoais. Com a mudança, o repentista Bule-Bule vai se apresenta no projeto. O Cordelizando vai reunir diferentes artistas e atividades relacionadas à cultura popular nordestina, por meio de um conteúdo que mescla entretenimento, arte e cultura popular.

Workshop “Por Trás da Cena”

O ator baiano João Miguel ministra a oficina “Por Trás da Cena”, na Caixa Cultural, em Salvador, no sábado (3) e no domingo (4), das 15h às 18h. A entrada é gratuita. O workshop, idealizado pelo próprio João Miguel e executado pelo projeto Gente Arteira, da Caixa Cultural, contemplará 20 participantes. Os interessados devem se inscrever presencialmente, a partir da terça-feira (30), na recepção da Caixa Cultural, na Rua Carlos Gomes, 57, Centro. O critério de seleção será o da ordem dos inscritos. A classificação indicativa é de 16 anos. A oficina bjetiva estimular o ator como criador, para que, através de suas indagações artísticas e pessoais, ele desenvolva uma dinâmica de realização de trabalhos individuais e coletivos.

Mar de bolinhas

Crianças e adultos podem mergulhar no "Mar de Bolinhas", no Salvador Norte Shopping. O brinquedo vai ocupar 170 m² da Praça de Eventos - Piso L1 com mais de 150 mil bolinhas coloridas e escorregadores. Além do enorme mar, o espaço é composto de outros dois cenários. O Farol, com sete metros de cumprimento é a porta de entrada para os escorregadores e ainda possui um labirinto para diversão. Outro destaque da atração é a estrela, escorregador de menor porte voltado para garantir a brincadeira dos pequenos.

O passaporte é vendido no local e custa R$15 (15 minutos) e R$1 (cada minuto excedente). O pagamento pode ser realizado em espécie e cartões de crédito/débito. A classificação é livre, mas crianças de até quatro anos não pagam e só podem acessar o evento acompanhadas de responsáveis pagantes. Ao realizar o cadastro, o cliente ganha uma cortesia de mais 5 minutos na atração. O Mar de Bolinhas permanece até o dia 2 de julho, com funcionamento de segunda a sábado, das 9h às 22h; e domingo, das 12h às 21h.

Le Cirque

O Le Cirque, instalado na Avenida Paralela, ao lado do colégio Villa, tem apresentações de quarta a sexta, às 20h30, e aos sábados, domingos e feriados, às 15h, 18h e 20h30. Os ingressos custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) para plateia comum, e R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia) para a plateia central. Entre as novidades está o King Kong, um macaco com 10 metros de altura.







Serviço:


Outras Informações – Aqui
  Concursos Públicos Aqui
Dicas para Concursos - Aqui


Para mais informações consulte o nosso blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário